PREFÁCIO - Talvez nem todas essas 100 histórias sobre Michael Jackson, sejam totalmente verdade. Mas certamente elas não são totalmente mentira ! Durante 50 anos de vida e 40 anos de carreira, Michael Jackson conheceu e conviveu com milhares de pessoas e encantou à todas elas. Cada uma dessas pessoas tem uma história inesquecível para contar, sobre Michael. Aqui estão algumas dessas histórias, que foram recolhidas ao longo de muitos anos. Assim como sua música, a personalidade de Michael Jackson, também é genial ! Voltar para MJ Planet

- O livro de Jermaine

'You Are Not Alone Michael - Atraves dos olhos de um irmão'
por Jermaine Jackson

- Porque esse livro emociona tanto ?

Ao terminar de ler a última página do livro de Jermaine Jackson, You Are Not Alone Michael: Através dos olhos de um irmão, eu chorei, abertamente, por cerca de 10 minutos. Na verdade, eu já tinha chorado quando eu li os dois últimos capítulos. Uma vez que eu me recompus e fui trabalhar no meu negócio, em vários momentos ao longo do dia eu iria encontrar-me em lágrimas novamente. Na manhã seguinte, acordei às 3 da manhã, enquanto estava deitada e pensando, as lágrimas começaram a fluir novamente. Eu pensei para comigo mesma: - Por que este livro me afetou tanto ?

Michael é quatro anos mais velho do que eu, assim, em certo sentido, eu cresci com ele. Você pode achar que é interessante saber que eu sou de Utah, sede do 'Osmonds'. No entanto, foi o Jackson 5, particularmente Michael, que capturou meu coração. Jermaine com suas memórias de Michael me levou de volta para a memória, enquanto ele contava histórias sobre cada período da vida de Michael: o início, o meio eo fim.

Lembro-me de estar deitada no chão da sala, apoiada em meus cotovelos na frente da televisão, vendo com admiração como eles se apresentavam no The Ed Sullivan Show, cantando "ABC" cantando junto com eles. Eu também me lembro o quanto eu amei a música "Ben" na época e agora! Eu me lembro de ver o cartoon Jackson 5ive, todas as manhãs de sábado. Todas estas memórias me fezeram sorrir, mas a única coisa que realmente me fez rir quando estava lendo sobre as memórias de Jermaine - foi a "mania Jackson." Essa mania invadiu o mundo.

Quando Michael partiu dos irmãos para alimentar sua própria criatividade, meu coração foi com ele. Lembro-me da estreia de Thriller na MTV. Foi a conversa da cidade. Todo mundo estava tão cheio de expectativa para vê-lo, e todos nós fomos surpreendidos quando ele estreiou. Daquele ponto em diante, tudo que eu queria fazer era descobrir quando seria mostrado na MTV, para que eu pudesse vê-lo novamente. Embora eu amei o vídeo Thriller, "Beat It" foi a minha canção favorita na época.

Lembro-me de como ficava fascinada em saber que Michael tinha todos aqueles animais exóticos em sua casa em Encino. Como uma adolescente, assim como muitas outras meninas na época, eu costumava sonhar que eu um dia iria casar com ele.

Quando todos os irmãos realizaram o show de aniversário da Motown - 25 anos, eu estava animada, Jermaine e Michael abraçados enquanto cantavam "You Be There" foi uma cena comovente. Depois que eu li o livro, fui para o YouTube para assisti-lo novamente, desta vez com novos olhos, para ver Michael notar o fato de que o microfone de Jermaine tinha parado de funcionar.

O Michael Jackson: 30 Anniversary Celebration - é um dos meus preferidos de todos os tempos. Eu amei vê-lo de volta, e eu ainda amo hoje. A parte que eu assisti uma e outra vez é a parte onde ele se apresentou com seus irmãos. Mesmo que muitas vezes ele cantava aquelas canções em suas turnês solo, não era o mesmo sem eles. A energia era diferente. Quando eles estavam todos juntos, era mágico. Vê-los realizar esse show novamente, me levou de volta para a alegria que experimentei como criança ao vê-los no The Ed Sullivan Show.

Hoje, dói meu coração saber quão rapidamente a saúde de Michael deteriorou no final, como tão poucas pessoas pareciam se importar com ele. O fato de que nos ensaios ele tinha que dizer - "Eu só quero alguém para ser agradável comigo hoje", me rasgou em pedaços. Ele confirma o que eu sempre soube: todo mundo quer sentir como eles são importantes. Claramente, naquele momento, ninguém se importou.

Algumas das palavras de Michael em sua autobiografia Moonwalk me assombram agora. Ele estava falando sobre como é triste para os fãs quando um 'performer' que eles amam morre jovem. "Você se sente enganado - porque você não chega a vê-los evoluir, à medida que fica mais velho", escreveu ele. Isso é exatamente como me sinto. Michael tem sido uma inspiração na minha vida desde a infância, e o fato de que eu não vou envelhecer "com ele" me faz sentir enganada.

Penso que a razão do livro me afetar tão profundamente, é que ele trouxe o fato de que a morte de Michael sinaliza o fim de uma era. Uma coisa é certa, porém: o menino que capturou meu coração, há tantos anos, tem meu coração agora e para sempre.

Ele merece ser honrado, respeitado, e lembrado de uma forma positiva. As Memórias de Jermaine realizam isso. Ele escreveu um livro muito amoroso sobre Michael, e eu encorajo a todos para lê-lo.

Linda Higgins
Diretor de Desenvolvimento da Comunidade MJTribute

Nenhum comentário:

Postar um comentário